Cheesecake de Mousse de Limão // Lemon Mousse Cheesecake





Com o limoeiro carregado de limões nesta altura do ano, apetece mesmo preparar bolos e sobremesas com o perfume deles. Os limões amarelos que pintam o verde do pomar nestes dias que antecedem a Primavera. Acho que nada me agrada mais que um bolo de limão, bem simples, para comer ao lanche. Perfumar um pão-de-ló com as raspas deste citrino, beber infusão de casca de limão, temperar o peixe grelhado com salpicos do seu sumo são só pequenas ideias de como adoro o limão e para mim é das coisas que nunca podem faltar na minha cozinha.

Há uns dias provei esta sobremesa feita pela minha amiga e vizinha T. e adorei. A simplicidade e o sabor a limão. A leveza da mousse com a camada de bolacha, e o amarelo vibrante da cobertura. 
Quis logo fazer para a sobremesa de domingo, e enquanto a preparava, o cheiro a limão entranhou-se na minha cozinha. E vieram à memória dias de sol passados no pomar e na horta, de um antigo limoeiro plantado pelo meu avô e que produzia os maiores limões que alguma vez vi, do cheiro do pão-de-ló da minha avó que vai ser para sempre um dos meus bolos preferidos por todos os afectos que carrega. 

E ao colocar no frio a sobremesa, pensei que há domingos felizes. Do pomar para a mesa, de uma cozinha com três gerações, de comer uma fatia de doce com quem amamos à mesa. Das coisas tão simples como os limões. Guardar momentos e pensar que a vida é mesmo assim, feita destes e de muitos mais à volta da mesa e do que cozinhamos, do que partilhamos, do que recordamos, do que comemos com um sorriso na cara. Desta mesa onde nos sentamos juntos.














(scroll down for english version)

CHEESECAKE DE MOUSSE DE LIMÃO

para a base:
175 gr de bolacha maria
100 gr de manteiga derretida

para o recheio:
200 gr de queijo creme
370 gr de leite condensado
400 ml de natas (35% MG)
sumo de 3 limões grandes
raspa de 1 limão grande
100 gr de bolacha maria
chá de limão morno q.b.

para o creme:
1 chávena de açúcar
1 chávena de água
2 limões
3 gemas de ovo caseiro
1 colher (chá) bem cheia de maisena


Preparação

Forrar a base e laterais de uma forma redonda de fundo removível com 20-22cm de diâmetro.
Para a base triturar a bolacha em pó e juntar a manteiga, mexendo bem. Colocar na base da forma e calcar muito bem até ficar uniforme e compacta. Levar ao frio por 20 minutos.
Para o recheio bater as natas bem firmes à parte. Bater o queijo creme com o leite condensado e as raspas de limão. Juntar o sumo de limão e mexer bem até notar que fica mais firme. Adicionar as natas batidas aos poucos e envolver suavemente.
Colocar um terço desta mousse sobre a base de bolacha e alisar. Molhar metade das bolachas no chá de limão morno e colocar sobre a primeira camada de mousse. Repetir por mais uma vez e finalizar com a última camada de mousse. Alisar bem a superfície, tapar com película aderente e levar ao frio durante a noite ou umas horas.
Para o creme de limão, retirar uma colher de sopa bem cheia do açúcar e misturar com raspas de 1 limão, com as pontas dos dedos até ficar bem molhado e amarelo. Colocar o restante açúcar e este num tacho com a água e as cascas bem fininhas do outro limão e levar ao lume. Ferver por uns 5 minutos até reduzir ligeiramente e ficar bem amarelo. Misturar as gemas com a maisena e mexer bem. Temperar as gemas com um pouco da calda de açúcar e colocar tudo no tacho mexendo sempre, em lume brando até engrossar. Depois de engrossar retirar do lume e passar por um coador para retirar as cascas. Tapar o creme com película aderente, e refrigerar.
Na hora de servir, desenformar com cuidado e verter algum do creme no topo da sobremesa. Servir fatiado com mais creme à parte.

Bom Apetite!


//


(english version)

LEMON MOUSSE CHEESECAKE

for the crust:
175g digestive cookies (or gingersnaps or "maria")
100g melted butter

for the filling:
200g cream cheese
370g condensed milk
400ml 35% whipping cream
juice of 3 big lemons
zest of 1 big lemon
100g cookies (I used "maria")
warm lemon tea

for the curd:
1 cup caster sugar
1 cup water
2 big lemons
3 free range egg yolks
1 heaping tsp corn starch


Method

Line the base and sides of a 20-22cm diameter round loose bottom cake tin.
For the cookie crust, process the cookies into crumbs and add the butter and mix. Place it on the base of the pan and spread making sure to press it evenly. Refrigerate for 20 minutes or so.
For the filling whip the cream until stiff and set aside. Beat the cream cheese with the condensed milk and zest of the lemon, then add the lemon juice and mix until it gets more firm. Add the cream a bit at a time and mix gently.
Place one third of this mousse on top of the cookie base and spread. Dip half of the cookies on the warm tea and place them over the mousse. Repeat one more time and then finish with the last part of the mousse. Cover and refrigerate overnight or for a few hours.
To make the lemon curd, take a tablespoon of sugar out and mix it with zest of 1 lemon, rubbing it with your fingertips until it gets like yellow wet sand. Place this, plus the rest of the sugar, the water and cut the skin of the other lemon in little pieces and put all in a saucepan. let it boil for about 5 minutes until it reduces and gets really yellow. Mix the egg yolks and the corn starch, and then add a bit of the lemony sugar syrup to the yolks to combine, and then put it all in the saucepan and mix until it thickens, in low heat. Strain it to discard the lemon zest and cover it in cling film and refrigerate.
Remove it from the pan and drizzle some of the curd on top. Serve it with more curd on the side.

Enjoy!











Bolo de Laranja e Azeite // Orange Olive Oil Cake



Um bolo para vos desejar um bom ano, quase a terminar o mês de Janeiro. Mas mais vale tarde que nunca, sempre ouvi dizer. E há certas coisas que têm o seu tempo, e nem sempre temos tempo para tudo. Há fases de ajustamento, de recolha interior, de pausa para manutenção. Preciso dessas pausas cada vez mais, para criar com mais vontade e tudo fluir de forma natural. Há dias em que não consigo cozinhar, há dias em que não consigo fotografar, há dias em que não consigo escrever. E já sei que não vale a pena forçar, mais vale fazer uma pausa, ouvir o nosso coração e recomeçar com as energias carregadas e mais motivada.

Se há coisa que me motiva e inspira são as frutas de cada estação do ano, e nesta altura são os citrinos que abundam no meu pomar. Chega o Inverno e as árvores começam a pintar o verde com o laranja e o amarelo. São os limões, as laranjas, as clementinas, tangerinas e tângeras. E é tão bom chegar lá fora e apanhar um cesto de laranjas e trazer para dentro, enfeitar a fruteira e a cozinha, enquanto perfumo um bolo que vai ao forno, nestes dias frios de Inverno. Gosto mesmo muito de bolo de laranja simples, com o sumo e raspa das nossas laranjas. Perfeito para saborear com uma chávena de cevada, chá ou chocolate quente. Nada traz mais conforto nestes meses frios do que um bolo feito no forno, que perfuma toda a casa e se saboreia ao lanche.
 
















(scroll down for english version)


BOLO DE LARANJA E AZEITE

250 gr de açúcar amarelo
raspa de 2 laranjas
4 ovos caseiros
120 ml de azeite suave
120 ml de sumo de laranja
120 ml de iogurte grego natural
300 gr de farinha com fermento
1 colher (chá) de fermento

Para a calda (opcional):
120 ml de sumo de laranja
2 colheres (sopa) de açúcar

açúcar em pó para servir


Preparação

Pré-aquecer o forno a 180ºC. Untar com manteiga uma forma redonda com 23cm de diâmetro.
Numa taça colocar o açúcar e a raspa de laranja e esfregar com as pontas dos dedos até o açúcar ficar "molhado". Adicionar os ovos e bater com uma batedeira eléctrica durante uns 3-4 minutos até ficar uma mistura volumosa.
Juntar o azeite, sumo de laranja e iogurte e mexer bem. Adicionar depois a farinha e o fermento e envolver na massa sem bater demasiado.
Colocar a massa na forma e levar ao forno por uns 30-35 minutos (teste do palito).
Para a calda (se usar) colocar o sumo de laranja e o açúcar numa panela pequena e aquecer até o açúcar se dissolver. Espalhar a calda no bolo enquanto ainda está quente e deixar embeber. desenformar para uma rede e deixar arrefecer. Antes de servir, salpicar com açúcar em pó.

Bom Apetite!


//


(english version)


ORANGE OLIVE OIL CAKE

250g light brown sugar
zest of 2 oranges
4 free range eggs
120ml olive oil
120ml fresh orange juice
120 ml greek yogurt
300g self raising flour
1 tsp baking powder

for the orange syrup (optional):
120ml fresh orange juice
2 tbsp caster sugar

icing sugar to dust

-


Method

Pre-heat the oven to 180ºC. Butter a 23cm round cake pan.
In a big bowl place the brown sugar and zest of oranges and start rubbing with your fingertips, until the sugar looks like wet sand. Add the eggs and beat with an electric mixer for 3-4 minutes until light and fluffy.
Stir in the olive oil, orange juice and yogurt. Add the flour and baking powder and gently beat until just combined.
Place the batter in the prepared pan. Bake for 30-35 minutes until a toothpick inserted in the center comes out clean.
For the syrup (if making) pour the orange juice and sugar in a small saucepan and heat it just until the sugar dissolves. Drizzle the syrup on the cake with a spoon while the cake is still hot, and allow it to soak.
Turn it onto a wire rack to cool completely. Dust the cake with powdered sugar before serving.

Enjoy! 










Tiramisu com Creme de Castanha // Chestnut Tiramisu



Ando a pensar em sobremesas para a mesa de natal. Sem serem as mesmas de sempre. Porque não vai ser um natal como sempre. Ainda nos estamos a ajustar a toda a mudança, a um ano que foi um reboliço a todos os níveis. Há coisas que não gosto que tenham mudado, mas a vida é mesmo assim. E outras que quis eu mudar, tive de ter força para mudar e consegui.

Fico sempre mais nostálgica nesta época do ano, e este ano ainda mais. Quem me é próximo sabe o porquê, sabe que o meu coração fica pequenino e apertado por ser assim a lei da vida, sofro demasiado com estas coisas do amor e de quem amo. De quem me ama. Quero lutar para que nenhuma memória se apague mais, para que as coisas boas e os sorrisos permaneçam. Dentro do menos bom tirar sempre o melhor e agradecer pelos momentos bons que ainda temos.

Ainda não sei como vão ser os próximos tempos, qual o melhor caminho a seguir. Mas algo em mim já mudou e permitiu essa mudança. Mudei a minha vida, e em parte estou mais feliz. 
Acabo o ano num misto de sentimentos, que me permito sentir e escrever. Por outro lado ainda bem que há coisas que nunca mudam, como o facto de eu ser uma gulosa assumida. 
E porque não ter este tiramisu de castanha na mesa de natal? Fica lindíssimo e é delicioso. Enquanto escrevo vou comendo uma fatia e digo para mim que a vida tem sempre um lado mais doce.
 
- esta receita maravilhosa é do blog Coco e Baunilha
- o fundo lindo que usei para fotografar é da Back














(scroll down to english version)

TIRAMISU COM CREME DE CASTANHA
(receita do blog Coco e Baunilha)

Tiramisu
12 palitos La Reine
500g de mascarpone
2 ovos
80g de açúcar amarelo
1 c. (chá) de pasta de baunilha
1 chávena grande de café frio
4 c. (sopa) de rum escuro
250g de creme de castanha (uso o da Bonne Maman)

Cobertura
200ml de natas p/ bater (c/ 35% mat. gorda)
100g de creme de castanha
cacau em pó para polvilhar



Preparação

Forrar uma forma tipo bolo inglês (22-24cm) com película aderente, deixando as extremidades grandes para poder desenformar.
Bater as claras em castelo e reservar.
Bater as gemas com o açúcar e a baunilha até obter uma mistura clara. Juntar o mascarpone e bater até ficar homogéneo.
Envolver as claras em castelo, delicadamente com uma espátula, com movimentos circulares.
Misturar o café com o rum e colocar numa taça larga para molhar os palitos la reine.
Colocar uma boa camada de creme de mascarpone na base da forma.
Molhar palitos la reine no café e colocá-los na forma.
Espalhar delicadamente creme de castanha por cima dos palitos.
Colocar outra camada de creme de mascarpone, de seguida palitos e creme de castanha.
Finalizar com o creme de mascarpone e alisar bem.
Bater com a forma na bancada de forma a retirar bolhas de ar.
Levar ao frigorífico umas horas e depois ao congelador até solidificar, idealmente uma noite.
Desenformar ainda congelado e reservar por uns 15-20 minutos antes de servir.
Bater as natas bem frias em chantilly, juntar o creme de castanha e bater novamente.
Colocar este creme num saco de pasteleiro, e decorar o topo do tiramisu  a gosto, e polvilhar com cacau em pó.
Servir fresco (mas descongelado).

Bom Apetite!


//


(english version)


CHESTNUT TIRAMISU
(recipe from Coco e Baunilha)

Tiramisu
12 Ladyfingers
500g mascarpone cheese
2 eggs
80g light brown sugar
1 tsp vanilla paste
1 cup strong coffee, cold
4 tbsp dark rum
250g chestnut spread

Frosting
200ml 35% whipping cream, cold
100g chestnut spread
cocoa powder, to dust 


Method

Line a 22-24cm loaf pan with plastic wrap so that there is an overhang and the entire pan is covered with the plastic.
Combine egg yolks, vanilla and sugar in a medium-sized bowl and beat well until pale and creamy.
In a separate bowl, beat the egg whites to stiff peaks. Combine the egg yolk mixture with the mascarpone, then fold in the egg whites to produce a creamy mixture.
Mix coffee with rum in a large plate.
Spread a third of the mascarpone cream mixture on the bottom of the loaf pan.
Dunk half of the ladyfingers in the coffee mixture and place it over the mascarpone filling.
Spread half of chestnut cream over the ladyfingers layer.
Repeat the process with remaining mascarpone cream, lady fingers and chestnut spread, finishing with a layer of mascarpone cream.
Cover and place the pan in the refrigerator for a few hours and then freeze it overnight.
Remove the cover and flip the pan onto a serving dish while still frozen and gently remove the loaf pan and slowly peel off the plastic wrap. Set aside for 15-20 minutes before serving.
Prepare the chestnut chantilly, whip the cream until firm, then add the chestnut spread and whip again.
Pipe the chantilly over the top and then dust with cocoa powder.
Serve chilled but not frozen.

Enjoy!