Bolo de Maçã com Canela




Para mim a palavra conforto celebra uma variedade de coisas simples que nos fazem mais felizes. Muitas delas acontecem na cozinha de uma forma tão especial, e já assim aconteciam há muitos anos na cozinha da minha avó. E os meus olhos pequeninos lembram-se tão bem da colher de pau a bater um bolo à mão. E de sentir o aroma do bolo acabado de cozer perfumar toda a casa. E de saborear a primeira fatia ainda morna, enquanto a minha avó servia um "café" de cevada ao meu avô.





É destas pequenas memórias que o meu mundo é feito e me alimento. E quando penso nas tardes frias e chuvosas de Inverno, penso nesse conforto de preparar um bolo caseiro. De escolher uma receita com história, de pegar na colher de pau e aquecer o forno. Para mim é puro conforto e felicidade.

Desta vez a inspiração veio do site da Sidul e rendi-me ao Bolo de Maçã com Canela, aquela dupla que vai ser sempre uma favorita nesta altura do ano. O perfume da canela enquanto o bolo está no forno é sinónimo de sorrisos e de fatias que não deixam rasto de migalhas. É sinónimo de um lanche com chá ou cevada quente, partilhado a muitas mãos gulosas.






Adoro este tipo de bolos, tão simples de fazer e tão bons, que são puro conforto para a alma. E que se preparam com açúcar amarelo, adoro. Desde pequenina que é o açúcar que sempre esteve presente na minha casa e na dos meus avós, e usamos nos bolos e bolinhos, nos sonhos e nas broas, e até no arroz doce da minha avó. É aquele açúcar tão nosso e português que adoça os melhores doces tradicionais. 

A gama de açúcares mais escuros da Sidul é uma boa alternativa para certas receitas, melhorando imenso o seu sabor e textura, dando-lhes aquela intensidade tão própria, por serem mais húmidos e aromáticos. E neste bolo de maçã e canela o açúcar amarelo torna a receita perfeita sem dúvida, o bolo fica fofo e perfumado, delicioso. No fundo, o segredo está no açúcar. 
Esta já é uma receita preferida na nossa casa para as tardes frias de Inverno, que pedem o conforto de um bolo perfeito. Podem encontrar esta receita e outras inspirações para as vossas tardes com forno aceso no site da Sidul.







Bolo de Maçã com Canela
(receita do site Sidul)

4 ovos
125 gr de manteiga derretida
200 ml de leite
300 gr de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó
1 colher (chá) de canela em pó
pitada de sal fino
50 gr de passas (opcional)
250 gr de maçã descascada e em cubinhos
maçã fatiada q.b. para enfeitar
Açúcar em Pó Sidul q.b. para salpicar


Preparação

Pré-aquecer o forno a 180ºC. Untar com manteiga uma forma redonda de 20-22cm de diâmetro e forrar o fundo com papel vegetal.
Numa taça peneirar a farinha, fermento, canela e sal. Adicionar as passas (opcional).
Bater os ovos com o açúcar amarelo até ficar volumoso e esbranquiçar. Juntar a manteiga derretida e mexer bem. Juntar a mistura de farinha e envolver, e por fim o leite e a maçã aos cubinhos.
Colocar a massa na forma preparada, alisar a superfície e decorar com algumas fatias de maçã a gosto. Levar ao forno até cozer, durante aproximadamente 35-40 minutos (teste do palito).
Desenformar, deixar arrefecer e polvilhar com açúcar em pó.

Bom Apetite!







18 comentários:

  1. Que bolo outonal.

    Beijinhos,
    Clarinha
    https://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2017/12/fusilli-long-com-molho-pancetta.html

    ResponderEliminar
  2. cá em casa só cozinho com açucares escuros - não gosto de açucar branco, é uma implicação que tenho - e adoro o tom que conferem aos bolos. Tenho milhentas versões de bolos de maçã, acho que é o meu bolo preferido, nunca me canso.
    https://bloglairdutemps.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim adoro os mascavados, os morenos e o amarelo para os bolos! E bolos de maçã é como dizes, são tão bons!! Nunca me canso de um bolinho assim bem caseiro e rústico.

      Eliminar
  3. Ficou com um aspeto delicioso. E as fotos estão lindas.

    ResponderEliminar
  4. Que post mais encantador Inês, fiquei in love!
    Também adoro bolinhos assim e com maçã então, ninguém resiste. Cá em casa também usamos açúcar amarelo ou mascavado, dá logo outro sabor.
    Bjinhoos sweetie!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada sweetie, a meu ver temos de combinar um lanche com os nossos bolos preferidos :) um beijinho.

      Eliminar
  5. Inês, tudo tão bonito aqui. A memória a inspirar fotografias lindas e bolinhos e os aromas e sabores a trazerem mais memórias ainda. Perfeito :)
    beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Inês, eu funciono muito assim, por memórias e sabores com memórias, ou então crio novas histórias com sabor!
      Obrigada e um beijinho.

      Eliminar
  6. Adoro bolos com maçã. Ficam sempre tão bons e aromáticos. O teu está lindo, como sempre.
    Bjn e votos de um feliz Natal
    Márcia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Márcia, que bom que gostas!
      Um Feliz Natal minha querida, um beijinho.

      Eliminar
  7. Tudo tão encantador minha querida :)
    Também tenho essas memórias na cozinha da minha avó e mesmo com a minha mãe aos fins de semana! Escolher a receita, bater os bolos à mão e ir lá com o dedo provar a massa ( :p sou uma gulosa! )
    Haverá algo mais reconfortante num dia frio de Inverno em que anoitece tão cedo?
    Adorei os sabores e imagino o aroma que se espalhou pela casa.
    Um grande beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Somos as duas gulosas e adoramos partilhar bolinhos com quem mais gostamos, verdade!
      Temos de combinar o nosso lanche e o nosso bolo :)
      Um beijinho minha querida.

      Eliminar
  8. Maçã e canela é daquelas combinações deliciosas que me deixam a salivar! Adoro canela e tudo o que leva canela e quando se trata de um bolinho de maçã, com aquela textura húmida e perfumada, a minha gula grita mais alto. Este bolinho tem mesmo muito bom aspecto é perfeito para acompanhar uma chávena de chá num dia frio de Inverno. É puro conforto, é daquelas coisas que apetece sempre.
    O açúcar amarelo ou então o mascavado são os de eleição cá por casa. Só uso o branco quando a receita assim o exige ou não dá mesmo para substituir. A minha mãe já usava este açúcar, faz muitos anos, por isso só me traz boas recordações.
    Adorei as imagens. :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico contente por gostares Célio. Este bolinho é mesmo bom, daqueles bolos com cheirinho a meses de inverno e conforto no ar. E sim, o açúcar amarelo sempre foi o que os meus avós usaram e isso traz sempre boas e doces memórias.
      Um beijinho.

      Eliminar