Risotto Primaveril de Ervilhas



Risotto. Palavra linda. Soa tão bem quanto me sabe aos sentidos. De facto a cremosidade e a textura deste prato envolvem todos os meus sentidos, e é das coisas que mais prazer me dá preparar, como prato principal, e de preferência vegetariano. Vamos mexendo com a colher de pau, devagar, devagarinho, ao ritmo de uma música que nos embala. O cheiro pede para provar, o queijo parmesão ou da ilha rala-se com generosidade e a colher não pára. Só na mesa.

Ao ritmo da estação, fazem-se risottos com gosto a ervilhas, favas e com o que de bom vem da terra. Descascam-se umas ervilhas frescas acabadas de apanhar, caldo ao lume a fervilhar e a vontade de entrar na dança do risotto. É um instante, até o prato ficar colorido de verde e de flores. As flores do cebolinho que inundam os canteiros e os vasos. Primavera à mesa num prato de conforto.
Queijo a postos, e bom apetite.






Risotto Primaveril de Ervilhas

Para o puré de ervilhas frescas:
1 colher (sopa) de manteiga
150 gr de ervilhas frescas
pitada de sal
150 ml de água

Para o risotto:
1/2 cebola picada
1 dente de alho picado
azeite q.b.
1 chávena de arroz para risotto
1/4 chávena de vinho branco
700-900 ml de caldo de legumes com coentros frescos
3/4 chávena de ervilhas frescas
sumo de meio limão
45 gr de parmesão ralado

Para servir:
parmesão ralado a gosto
flores de cebolinho q.b.
cebolinho picado q.b.


Preparação

Começar por preparar o puré de ervilhas, colocando a manteiga e as ervilhas num tachinho e deixando saltear uns 5 minutos. Adicionar uma pitada de sal, a água e deixar cozinhar em lume brando por 5-10 minutos até as ervilhas ficarem ligeiramente tenras. Triturar tudo com a varinha mágica ou num liquidificador e reservar o puré.
Aquecer o caldo de legumes (que pode ser caseiro ou de compra, e adicionar a ele um ramo de coentros frescos para aromatizar), e manter bem quente durante a preparação do risotto.
Num tacho colocar um fio de azeite generoso, e a cebola e o alho picados, levando ao lume e mexendo até a cebola ficar tenra e translúcida.
Adicionar o arroz e mexer durante uns 2 minutos. Refrescar com o vinho, deixando ferver e que o álcool se evapore e o líquido quase desapareça.
Aos poucos ir juntando conchas de caldo a ferver, e ir mexendo até o caldo desaparecer. Juntar mais caldo à medida que o arroz vai cozendo e o caldo é absorvido.
A meio da cozedura juntar as ervilhas frescas, deixando cozer.
Assim que o risotto estiver cozido, juntar o puré de ervilhas reservado e mexer muito bem. Adicionar o sumo de limão e o parmesão, apagar o lume e envolver. 
Por norma não adiciono sal, o caldo e o parmesão temperam na perfeição, mas ajustem ao vosso gosto com sal e pimenta se necessário.
Servir o risotto de imediato, com flores de cebolinho, cebolinho picado e parmesão a gosto.

Bom Apetite!




27 comentários:

  1. que risotto com uma cor magnifica porque os olhos também comem, e deve ter um sabor tão bom e cremoso.


    O Cantinho dos Gulosos

    ResponderEliminar
  2. Ginjinha minha querida, vc expressou muito bem a delicia que é fazer e saborear um belo risoto como esse. Adoro, gosto demais de risotos e esse não é diferente, com ervilhas frescas e o lindo colorido que ficou. Consigo imaginar a delicia que ficou e a apresentação como sempre maravilhosa. Achei linda a flor do cebolinho. Não conhecia. Seu risoto ficou nota 1000 cremosinho do jeito que gosto. Beijinhos querida amiga

    ResponderEliminar
  3. Ginja minha querida,
    risoto palavras linda mesmo e é um prato que aquece em todas as estações!
    A tua receita tem gostinho e quero mais, as fotos como sempre lindas!

    Bjs no seu ♥

    ResponderEliminar
  4. Adoro ervilhas e ficam tão bem num arroz. O risotto ficou maravilhoso!
    -
    Diogo Marques
    Blog: A culpa é das bolachas! | Facebook | Instagram
    -

    ResponderEliminar
  5. Hmmmm...nesse friozinho combina tanto!!!!
    Beijos e ótima semana pra ti!!!! =)

    ResponderEliminar
  6. hoje vou jantar risotto, mas de choco, e com tinta. Pretinho, pretinho, como gostamos. Mas sim, risotto é bom com tudo e para nós é um limpa frigorifico. Vale de tudo um pouco e adoramos misturar o parmesão com o queijo da ilha (ou usar apenas 1 deles)

    ResponderEliminar
  7. Que lindo que ficou este risotto Inês! Tal como tu, tanbém gosto da palavra risotto e não são precisos muitos ingredientes para ter um delicioso pratinho na mesa em tão poucos minutos. Basta que sejam ingredientes de qualidade e que sejamos pacientes. Aquele prato com as lascas de parmesão está um verdadeiro mimo, o que eu dava para poder dar uma garfada aí. Gostei da receita. :)
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  8. Amo risotos! O seu texto me levou longe e as belas imagens complementaram o sentimento de aconchego.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  9. Que bom aspeto!! As fotos estão brutais mesmo, parabéns! Beijinhos

    http://denisedeassis.com

    ResponderEliminar
  10. Que bom aspeto!! As fotos estão brutais mesmo, parabéns! Beijinhos

    http://denisedeassis.com

    ResponderEliminar
  11. que lindas fotos!
    beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Inês,
    também adoro risottos de tudo, não precisa ter quase nada para ser um prato excelente.
    Cá em casa faço muitas vezes, daquilo que encontro no frigorífico, mas a preferência é vai para o risotto de cogumelos.
    Este teu pratinho tem sabores que me encantam, adoro estas ervilhas, o cheirinho já aqui chegou, e apesar do adiantado da hora, já se comia :)
    Bjns
    Isabel

    ResponderEliminar
  13. Que linda proposta, Inês! :)
    A suavidade desse risotto só lhe acentua o sabor, imagino que excelente.
    Gosto muito mas faço poucos risottos, pois ainda não acertei a mão em relação à sua confecção.
    Fotos lindas lindas <3

    Bjinhosss

    ResponderEliminar
  14. Minha querida Inês,
    eu adoro risottos! Adoro a cremosidade, o sabor, o queijo :) Para mim é uma refeição perfeita!
    Ficou tão bonito o teu!
    Gosto tanto de ervilhas :)
    Vou fazer o teu um desses dias querida.
    Um grande beijinho

    ResponderEliminar
  15. Só fiz uma fez risotto com ervilhas e adorei, este tem aquele aspecto cremoso e reconfortante que adoro.

    ResponderEliminar
  16. Mmmmm.o que eu gosto de um bom risotto, e este deve estar maravilhoso. Adivinho-lhe a suavidade e o sabor das ervilhas acabas de colher. Que delícia. E as fotos, sempre tão lindas.
    Beijos Inês :)
    https://instagram.com/annabelle_madeira/

    ResponderEliminar
  17. Adoro arroz com ervilhas e esse risotto está maravilhoso!

    ResponderEliminar
  18. Olá querida Ginja!
    Risotto é mesmo uma palavra bonita! E gulosa! E eu adoro risottos de paixão ;)
    Estes dias, parece que andamos em sintonia, não é verdade?! Sortudas que somos por ter coisas boas tão perto de nós. Adoro o que a primavera nos traz e juntar ervilhas a um risotto é das minhas combinações favoritas.
    Neste teu risotto, adorei verdadeiramente a ideia de fazer primeiro um puré, para dar ainda mais cremosidade e cor a um risotto tão bom! Como é que nunca me tinha lembrado disso?! Testar esta receita vai ser daqueles momentos que não vai custar nada ;)
    Perfeita querida.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  19. Olá Inês: vou ter mesmo que me "render" aos risottos. É cada um mais lindo do que o outro que vejo nos blogues das amigas. O teu, com ervilhas frescas ( hummmm) está lindo e bem colorido.
    Bjn
    márcia

    ResponderEliminar
  20. Os risottos são como as massas, deliciosas e com inúmeras combinações para deixar todos felizes. Eu fico bem feliz se tiver um prato assim como o teu!
    Adorei as fotos! Essas flores de cebolinho além de lindas, devem dar um sabor bem especial neste delicioso risotto.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  21. A tua descrição faz-me sentir mal por não provar risotto :P Tenho mesmo de fazer... O teu está com um aspeto maravilhoso :D

    ResponderEliminar
  22. Bom dia, Inês!
    Que excelente sugestão, delicosa e cheia de charme! ;)
    Beijinhos e boa semana!

    ResponderEliminar
  23. Olá Inês!
    Todo o teu trabalho dá-nos uma sensação de prazer, ou seja,as tuas receitas deliciosas e fotos perfeitas deixam-nos sempre com vontade de experimentar. Eu adoro risotto e assim com ervilhas parece-me ser uma sugestão maravilhosa e com essas lascas de parmesão melhor ainda...Hum.que maravilha!
    um beijinho

    ResponderEliminar
  24. Adoro risotto! E como é que nunca fiz de ervilhas também? Que delícia!
    Como sempre, estas tuas fotografias... tão lindas!
    Beijinho
    Teresa | A Cozinha da Ovelha Negra

    ResponderEliminar
  25. E por cá gostamos todos de risotto Inês, a cremosidade do queijo é algo que não consigo descrever.
    Essas flores do cebolinho são tão lindas, amorosas.
    O melhor dos risottos é as combinações, poder fazer ao gosto de cada um, e que pena que este ano não tivemos dessas ervilhas mas temos muitas favas que gosto ainda mais.
    Delicioso nesta taça linda, sabe sempre tão bem uma refeição assim.

    um beijinho

    ResponderEliminar