Bolo de Laranja, Canela e Côco











Estivemos quase quatro dias sem luz, água e telefones em casa da minha avó. Aos poucos tudo parece estar a voltar ao normal. O temporal de sexta e sábado passado fez imensos estragos por cá. Árvores caídas, postes no chão, um bocado do telhado voou, a maioria das laranjas e limões espalhados pelo chão e a falta de electricidade para o aquecimento, água para banhos e cozinhar, telefones para comunicar, deixaram-nos um bocado isolados.
Se bem que o que senti mais falta foi mesmo da água. Fomos a uma fonte buscar para poder ir lavando loiça e fazer sopas. Sem luz, a grande maioria dos congelados acabaram por se estragar. Os citrinos espalhados pelo chão foram apanhados durante o dia e partilhados com amigos.
As noites à beira do fogão a lenha e à luz de velas nem foram muito más. Serões à antiga, em que nos juntamos ao lume, com mantas e gato, na companhia uns dos outros, com conversas de outros tempos.
Não sentimos falta da televisão. Só senti falta mesmo de cozinhar, e de fazer um bolinho ao domingo. A minha avó também, que adora comer uma fatia ao lanche.
E nestes serões às escuras veio à memória este bolo, com cheiros de Inverno e sabores de agora. Como era bom ter uma fatia fofa e um chá quentinho nas mãos, naqueles dias.













Bolo de Laranja, Canela e Côco

4 ovos biológicos
3/4 chávena de açúcar mascavado escuro
raspa de 2 laranjas
sumo de 1/2 laranja
250 ml iogurte natural
1/4 chávena de óleo vegetal
1 colher (chá) de canela
1 colher (chá) de fermento
150 farinha de trigo
100 farinha trigo integral
50 gr de côco ralado


Preparação

Pré-aquecer o forno a 180ºC. Untar uma forma com manteiga/margarina e reservar.
Numa taça juntar os ovos e o açúcar e bater muito bem com a batedeira até a mistura ficar volumosa.
Adicionar a raspa, o sumo, o óleo e iogurte e mexer muito bem.
Peneirar as farinhas com o fermento e canela e juntar à massa envolvendo suavemente até ficar homogéneo.
Por fim, juntar o côco e mexer.
Colocar a massa na forma e levar ao forno até cozer (teste do palito).
Desenformar e salpicar com açúcar em pó.

Bom Apetite!








70 comentários:

  1. Só de olhar para as fotografias, já lhe sinto o aroma! =)*

    ResponderEliminar
  2. O bolo já é deliciosa, agora essas fotos estão divinas! Nossa que perfeitas! dá gosto de olhar :) Parabéns!! Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Ficou lindo como sempre, comia agora uma fatia com um cafézinho :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Foram mesmo dias complicados para muitos. Mas com alguma calma e paciência passou se e agora vendo bem até há alturas boas no meio das más!!!
    Este bolinho ia ser mesmo uma mais valia nesses dias...
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  5. Deve ser muito saboroso este bolo de laranja, coco e canela...uma verdadeira delícia!

    ResponderEliminar
  6. Um bolo perfeito para dias tao feios que por aí houve...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Deve ser delicioso e ficou lindo como sempre :)

    ResponderEliminar
  8. Ao menos os seroes foram diferentes e por certo mais acolhedores, uma vez que a televisao, computadores e etc...nao podiam ser ligados, a ligacao acabou-se por dar entre as pessoas. E acho que hoje em dia estamos a perder um pouco isso. E o conforto de um bolinho e sempre melhor quando compartilhado com quem mais gostamos.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Já cá faltava um bolinho dos teus :) Sabes bem que eu adoro ainda à pouco te enviei um email a perguntar se estavas sem luz.. andas muito caladinha nos ultimos dias :) beijos

    ResponderEliminar
  10. Olá Ginja,
    como sempre as tuas fotografias são lindas e inspiradoras!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Ginja
    Que bom esses momentos, que me fazem voar até à infância.
    Qto ao bolinho...vai ficar na minha memória
    beijinhos nossos

    ResponderEliminar
  12. O mau tempo trouxe prejuízos a muitas pessoas infelizmente!!
    Este bolo ficou com um aspecto fantástico, mesmo ao meu gosto! Laranja e côco é uma combinação que adoro :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  13. Olá Ginginha!
    Excelente! E o bolo com essa variedade de ingredientes de estar uma delicia.
    Essas laranjas fizeram-me recordar as minhas que tinha lá na aldeia e os serões na lareira e à luz da candeia. Acredito que haveria quem gostasse de sentir essas emoções.
    Mas neste caso que foi por uma intempérie é muito diferente. Os prejuízos e a privação de tantas coisas não deixa um quadro tão ,cor de rosa,. Ainda bem que tudo se está a recompor, fiquei preocupada.
    Parabéns, o post está lindo.
    Muitos beijinhos.

    ResponderEliminar
  14. Adoro a simplicidade de uma fatia de bolo simples... Adoro! As fotos umas vez mais fazem-nos viajar e quase perceber a que sabe essa fatia! Que talento!

    ResponderEliminar
  15. Olá minha querida scandaliciosa amiga,
    Pois é, a vantagem da falta de luz é mesmo só o convívio à antiga e até consigo visualizá-lo, pois a tua descrição levou-me direitinho à infância e juventude, em casa da minha querida avó, com serões desses, na cozinha, à volta da lareira aberta, com os potes de ferro de sopa a cozer... e as "malgas" (tigelas) na mão à espera que a sopinha de lá saísse quentinha e fosse servida e comida ali mesmo, à volta do fogo que a cozeu... que saudades amiga...
    A água, concordo contigo, deve ser difícil...
    Bom querida, mais uma vez, estamos em sintonia perfeita e a nossa telepatia é fabulosa, pois tu publicas este fabuloso e aromático bolo de laranja com canela e côco, que amo de paixão, está lindo e adivinha-se uma delícia, especialmente acompanhado daquela super perfumada infusão...
    ... e eu acabei de tirar do forno, um bolo da Lorraine de laranja, cardamomo e ricotta...
    Beijinhos grandes minha lindona,
    Lia.

    ResponderEliminar
  16. ahhhh...
    mais uma vez, lá está a faquinha farrusca a fazer-se invejável e cobiçada...
    Beijocas linda,
    Lia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se houvesse mais uma faquinha destas por cá, já estaria agora na Escócia... :) Que bom estarmos em sintonia!! Eu quero ver esse bolo da Lorraine, cheira maravilhosamente bem amiga :)

      Eliminar
  17. Oh Ginjinha, que bom que tudo isso já passou..., costumamos dar o devido valor ás coisas, apenas quando ficamos sem elas...
    Lindo o teu bolo, e as fotos encantadoras como sempre, elas contam uma história ;)
    Um grande beijinho.

    ResponderEliminar
  18. Por cá também houve problemas, fiquei sem algumas telhas e senti muita falta de ligar o forno no fimde-semana...
    Esse teu bolinho ficou magnífico!
    Bjs

    ResponderEliminar
  19. por aqui foram 2 dias e já foi um desespero:(
    mas agora é olhar para este bolinho, lindo e as fotos fantásticas :)
    tenho um pano igualzinho ao teu :P (do tempo dos crafts) e as loiças mas noutras cores hehe
    apesar da história menos boa, trouxe um belo bolo e bom tempo passado em família :) beijinhos grandes**

    ResponderEliminar
  20. Ai que cheirinho a canela e laranja desse bolo!!! Ainda bem que já está tudo ok, ufa!!!
    Beijinhos, boa quinta, sem chuva!!!
    Madalena

    ResponderEliminar
  21. Realmente Ginja fizeste-me recuar uns aninhos com a tua introdução. Por um lado sente-se saudades, mas por outro...
    Mas esse bolinho bem... deu-me cá umas saudades!
    Ficou lindo, perfeito, e todos os adjectivos que lhe encaixam na perfeição.
    beijocas

    ResponderEliminar
  22. Ficou tão bonito :)
    Eu se fizer, tenho de utilizar amêndoa em vez de côco, sou alérgica, achas que fica bom na mesma?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho a certeza que vai ficar bom com a amêndoa sim! E que boa ideia já me estás a dar para domingo! :) Depois conta se ficou bom e se gostaram! Se omitires simplesmente o côco também ficará bem :)

      Eliminar
    2. Vou ver se faço este fim de semana. Depois digo como ficou :)

      Eliminar
  23. Olá, Ginja!
    Gosto muito deste bolinhos, fotos lindas e sabores maravilhosos, certamente...
    Bjs
    Paula

    ResponderEliminar
  24. Que bolinho delicioso e fotos maravilhosas. Adorei.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  25. Olá Ginja,
    Fizeste-me voltar à infância quando íamos de férias até casa do avô aqui no norte ou aos avós de Alenquer, na época vivíamos em Lisboa. Então a luz era de candeeiro a petróleo e velas, a água trazida em grandes canecos à cabeça, a roupa lavada no rio, a broa amassada ma maceira de madeira e cozida no forno ali mesmo na cozinha! Lembro a matança do porco, dia de festa, ir ao monte dentro do carro de vacas buscar mato para a cama do gado. Ir de burro ao moinho levar o trigo e trazer a farinha, pisar a uvas com os pés...tantas memória boas, mas era tudo muito difícil para os adultos, pois para mim era uma grande brincadeira!
    O teu bolo de laranja ficou tão lindo, gosto da sua cor e posso adivinhar o seu aroma cítrico. Estava e ler a lista de ingredientes e a pensar iogurte natural... kefir é que era, ahahah! Depois lembrei-me que uma calda com licor de laranja e...
    Obrigada por me transportares a tempos de infância de que guardo gratas memórias.
    Espero que o temporal não regresso e tudo volte à normalidade. Contudo, faltar a luz uma vez ou outra até é divertido, desde que ao fim de umas horas regresse e nada se estrague na arca.
    Bjs

    ResponderEliminar
  26. Minha doce amiga Ginja.
    Que bom que já passou essas dificuldades desagradáveis, que afinal das contas te levou a momentos agradáveis e diferentes ao redor dos teus.
    Tem coisas que podemos até passar sem, mas realmente a água é imprescindível!!
    Agora este bolinho é uma imagem e lembrança que conforta em qualquer situação.
    Perfeito na combinação e na elaboração. Lindo e gostoso e com umas fotos que nos passam tranquilidade e bem estar, sempre com a tua mão meiga e doce, minha amiga.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  27. Mas que grande temporal vos assolou por aí. E nós com muito bom tempo cá nos Açores, o que dá para estranhar! Ainda bem que já passou e não houve maiores desgraças. Eu acredito que este bolinho tenha sido bastante desejado naqueles serões à luz das velas :) até eu desejava de o ter aqui agora só de imaginar o seu aroma e sabor.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  28. Olá Ginja,
    Que bom que fora algum desconforto nada de pior aconteceu, serviu até para recordar os bons velhos tempos.
    Gostei muito da combinação de ingredientes deste bolo, fiquei curiosa com o sabor e aroma resultante mas com a certeza de ser maravilhoso.
    Beijo,
    Vânia

    ResponderEliminar
  29. Uf! Não deve ter sido nada fácil! Ao ler coisas assim apercebo-me que cá por cima até tivemos sorte... É muito bom ver como conseguiste aproveitar uma situação menos boa e sentir algum do conforto dos dias antigos. E ainda por cima voltar com um bolinho destes, bem simples e perfeito para acompanhar um chá quente num fim de tarde frio! *

    ResponderEliminar
  30. Querida Ginja, que situação mais incomoda, espero que aos poucos possa tudo voltar ao normal. E ainda bem que foram só estragos materiais,apesar de todo o transtorno causado pelo temporal.
    O teu bolino ficou uma maravilha, lindo lindo, e os sabores escolhidos são uma combinação deliciosa, agora com o meu cházinho ia saber mesmo bem uma fatia deste teu bolinho:)

    Beijinho grande,
    Joana

    ResponderEliminar
  31. Que fotografias tão munitas!!!
    Ainda bem que aos poucos volta tudo ao normal! Vale um bolinho maravilhoso para animar!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  32. Querida Ginja,
    graças a Deus vc e a sua família estão bem.
    Os temporais fazem parte da natureza, pena que fazem estragos
    em nossas vidas.
    Quando falta energia e água a gente dá mais valor ao que temos, e tbm
    nos aproximamos mais das pessoas queridas, contar histórias, ouvir
    uma boa conversa, que as vezes com a correria do dia a dia não
    fazemos isso.
    Se eu tivesse aí iria colher um montão de laranja tbm, rsrs.
    Hoje aqui tmb deu um temporal as ruas viram rios e levam os carros
    é um desespero.

    Imagino o sabor do seu bolo com esses ingredientes, para acompanhar
    uma xícara de café, hummmmmm.....bom demais!
    As fotos estão perfeitas, amo o seu bom gosto!

    Beijos, fica com Deus!
    Andréa

    ResponderEliminar
  33. Querida Ginga,
    Aqui no Brasil soubemos desses problemas que vocês passaram. Lamentamos muito e torcemos para que logo tudo voltasse ao normal. Graças a Deus já passou.
    Nesses momentos é bom lembrar das coisas boas, como a presença das pessoas amigas, os serões, o estar junto.
    Esse lindo bolo bem que poderia ter estado junto também.
    Bj e os meus votos de que tudo esteja bem.
    Lylia

    ResponderEliminar
  34. Que bom que tudo já voltou á normalidade, ao menos valeu o convivio.
    Adorei o bolo ficou lindo ,gostei da combinação de ingredientes.
    Deve ter ficado uma delicia.
    bjs

    ResponderEliminar
  35. Bem vinda Ginginha, já estava com saudades! E foi um regresso doce, com um lindo bolo de laranja, perfumado, com sabor aos serões entre família. Por cá tivemos ventania, muita chuva e muito frio, mas foi pacífico e até a agricultura de varanda parece ter resistido mais ou menos intacta à intempérie. Mas confesso que me dói na alma saber que tanta gente perdeu víveres que estavam congelados e que eram o pé de meia para os próximos tempo... corta-se-me o coração :(

    ResponderEliminar
  36. pois que bom que ja esta tudo no normal ainda bem esse bolo esta mt bonito e o cheirinho ja chegou aqui hummmm rsrs bjs

    ResponderEliminar
  37. Que bolinho tão bom ... parece que chama por mim Ginja ;)...
    beijinhos

    Obrigada por por passares no blog a dar-me os parabens.

    ResponderEliminar
  38. Ainda bem que está tudo bem por aí.
    Gostei imenso do teu bolinho.
    Vou fazer um destes dias. Beijinhos

    ResponderEliminar
  39. Olá, querida Ginja! Por aqui o temporal também fez das suas, mas não ficamos sem luz. Imagino a confusão destes dias por aí, mas vejo, que apesar de tudo soubeste tirar partido das coisas boas que o temporal trouxe, como os serões à luz de vela e fogão à lenha, as conversas...A vida sempre nos mostra o lado bom...e por aqui sempre doce e apetitoso. Adorei este bolo, aromático e "honesto" como gosto. As fotos, estão luminosas, para contrastar com o tempo!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  40. Olá Ginja,
    Por aqui também esteve muito temporal, mas não a esse ponto que descreves. Vi imagens da Figueira e até me arrepiei... conheço bem, tenho aí uma casa :)
    Adorei o teu bolo, junta ingredientes que gosto imenso, vou levar a receita para a minha lista :)
    Bjns

    Isabel
    http://emocaoascolheradas.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  41. é mesmo um bolo bom para esta época e sim uma fatia ao lanche é do melhor :)

    ResponderEliminar
  42. Realmente a única coisa boa na falta da luz é o convivio... coisa que com a tv se vai perdendo... já este bolo está fantastico! bjks

    ResponderEliminar
  43. Bom dia Ginja,
    Tem receita inspirada no Ananás e Hortelã, publicada no Guloso e Saudável é o Pão de Banana com Nozes.
    Beijo, bom final de semana,
    Vânia

    ResponderEliminar
  44. Mais uma que vem comigo!!! Ai 'pariga, os teus bolos são a minha perdição :)...
    Hoje postei um roubado aqui do teu cantinho ;)
    uma beijoca querida

    ResponderEliminar
  45. Querida!
    O bolo está perfeito :)
    Aqui também foi o caos! Eu trabalho sábado de manhã e foi um inferno, raios a cairem dentro da farmácia, a deitar a energia toda a baixo (só que temos um gerador que aguentou 1hora), depois foi-se tudo, computadores, um deles não abriu mais, frigorífico cheio de medicamentos (tivemos que levar tudo para casa), sinais a cairem, árvores (e lá iamos a correr mudar os carros)! Quando me vi em casa não voltei a pôr os pés na rua!
    O meu avô à noite lembrou-se de como estaria o apartamento da Figueira! Lá foi com o meu pai a meio da noite para lá e encontraram a minha tia super triste por lhe ter caido o telhado da Murtinheira!!!
    Credo!
    Lembrei-me de ti, quando a minha tia descreveu o temporal que por aí se passou!!!
    Espero que não venha outro tão depressa! Até pq deu para perceber que o país não está preparado para isso! É inacreditável como se pode ficar tanto tempo sem luz e sem água!
    Mas muitos domingos virão na companhia da tua avó a comer bolinhos tão maravilhosos quanto estes!
    Um grande beijinho

    ResponderEliminar
  46. Amiga,
    tenha um fds repleto de bençãos junto a sua família!
    bjs ♥

    ResponderEliminar
  47. Por aquí el agua también dañó muchas cosas. Menos mal que no fue tan fuerte como se pensaba, pero a nosotros se nos inundó el sótano de la casa. Así que no me vendría mal un buen trozo de este rico pastel, amiga, tiene que estar delicioso Inés. Te mando muchos besinos.

    ResponderEliminar
  48. Em minha casa faltou a luz umas horas e não consegui cozinhar - porque cá em casa tudo é elétrico. Para entreter tivemos que ir buscar os jogos de tabuleiro todos empoeirados. Foi divertido por ser algumas horas, mas se fosse quatro dias, desesperava completamente. É o mal de viver num apartamento.
    O teu bolo ficou maravilhoso.

    ResponderEliminar
  49. Amiga, que sufoco vcs passaram heim...

    O que teve de bom foi o bate papo, o que não acontece muito quando se tem a televisão e o computador,

    Vendo o teu bolo, entendo a vontade que vc sentiu de pegar uma fatia.

    Bjsssssssssssss Ginja e um FDS muito abençoado.

    ResponderEliminar
  50. Por aqui não houve grandes danos e apenas algumas falhas momentâneas de luz e internet.
    Realmente nessas alturas damos valor à vida da geração dos nossos avós.
    Bjs
    http://come-bebe-sorri-e-ama.blogspot.com

    ResponderEliminar
  51. Um bolo dos Deuses, pois é muito saboroso! Beijos

    ResponderEliminar
  52. É incrível a força da natureza. Fiquei muito triste com as imagens de destruição que vi. E realmente estar tantos dias sem luz e água não deve ter sido fácil, nem quero imaginar. Este bolinho vem mesmo a calhar para esquecer os dias passados. Deve ser uma delícia, como cai bem uma fatia dum bolinho destes e uma chávena de chã=) beijinhos

    ResponderEliminar
  53. O tempo tem destas coisas... Mas ainda bem que nada mais grave aconteceu. :)
    Haja um bolinho de laranja para animar a malta e isso fazes muito bem.
    Beijinhos Ginja

    Jota
    http://searchncook.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  54. Ginjinha querida, ouvi falar muito das tempestades e estragos que as chuvas trouxeram em algumas regiões de Portugal. Aqui geralmente acontecem essas tragédias no Sul do país, e mesmo morando longe do sul, é assustador e deprimente, pois muitos sofrem, perde-se o gado, e as plantações.A Natureza é mesmo um mistério, mas graças a Deus correu tudo bem com vc e sua familia e algo de bom teve com isso, os longos bate papos,à mesa, com um belo bolinho como esse, perfumado e com sabor de aconchego. Adorei seu bolo, com ingredientes deliciosos.Beijinhos minha doce filhota, bom finalzinho de domingo

    ResponderEliminar
  55. Olá Ginja: vi na televisão os estragos que o mau tempo provocou em algumas zonas do país. A falta de água,para mim,também é terrível. Estou sempre a lavar as mãos e só me apercebo disso quando ela falta,por isso compreendo-te bem. Todas as situações más, têm o seu lado positivo ( pelo menos é o que eu sinto) e no teu caso, foram os belos serões em família. Só faltou mesmo este belo bolinho, com o seu aspeto delicioso e com uma cor linda.Mas, de certeza, não faltarão outras oportunidades.
    Bjs e bom resto de domingo
    Márcia

    ResponderEliminar
  56. Querida Inês,

    Quatro dias sem água é de facto dose !
    Já nem me imagino sem água, é de facto um desespero completo embora a electricidade também seja de vital importância, em especial no que diz respeito à conservação dos alimentos.
    É, em especial, isso que sempre me preocupa quando falha: o que tenho no congelador que se poderá estragar e pelo que dei tanto dinheiro... agora imagina as pessoas que compraram coisas em promoção para se conseguirem orientar para o mês e no fim... tudo estragado... penso que aí a EDP deveria intervir, mas isso sou eu ! :)

    Este tipo de situações faz sempre com que as pessoas se aproximem e passem a valorizar mais o que se vem perdendo com o tempo, com a Tvm com os jogos, com o pc, etc... nisso há pontos positivos, mas só nisso.

    Lamento o que vos aconteceu, já o tinha dito pelo Face, ainda bem que está tudo restabelecido por aí !

    O teu bolinho ficou lindo, gostei muito dos ingredientes, adoro coco, canela, laranja... humm... muito perfumado sem dúvida !
    Como sempre, magnificas fotos, parabéns ! :)

    Beijinhos Amiga ! :)

    Isabel
    www.blogdochocolate.com
    http://brisa-maritima.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  57. Ginginha,
    Apesar de ir sempre acompanhando os teus passos através do facebook, não poderia deixar de vir aqui colocar o meu comentário.
    Finalmente tudo voltou à normalidade e a parte positiva é que não houve danos humanos.
    Por outro lado, para mim tudo isto serve para nos lembrar de quão pequenos somos, que aspectos simples teêm tanta importância e que os pequenos momentos são tão mágicos e por vezes não lhes damos o devido valor.
    Quanto ao teu bolinho, como sempre está espectacular!!!
    Este fim de semana também fiz um bolo de laranja :)
    O desejo de uma boa semana e beijinho grande.

    ResponderEliminar
  58. Olá :)
    Vai a Oatly.es e tens a especificação do produto. É feito à base de aveia e tolera temperaturas elevadas. É o pacote tipo de natas em preto com letras encarnadas.
    Já fiz o teu bolo de laranja, e vou colocar fotos dele no meu blog ainda esta semana. Ficou bom :), mas o teu ficou muito mais bonito e com aspecto mais fofinho. Mas eu enganei-me nas farinhas, coloquei 150g de integral em vez de 100g e talvez seja por isso que ficou menos arejado. Ups :S. Posso mencionar o teu nome e o teu blog no meu quando mostrar o bolo?
    Boa semana para ti :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, obrigado! :) Vou espreitar, fiquei curiosa com o creme de aveia.
      Que bom que o bolinho ficou bom :) Acho que já uma vez tb troquei e usei mais farinha integral e nem coloquei óleo para ser mais saudável e mesmo assim ficou bom! Claro que podes mencionar :)
      Boa semana, e beijinhos!

      Eliminar
  59. Olá linda:)
    Pois é, eu sei bem o que deve ter sido, pois por cá o temporal também atacou e bem... Mas só ficámos sem luz, água tivemos sempre, mas só fria, já que o esquentador está ligado à eletricidade... Enfim, longe com tempestades destas, os vasos da minha varanda também ficaram todos virados:(
    Mas um bolinho destes faz-nos esquecer todos os males, de laranja, coco e canela! Uma combinação de certeza deliciosa, adoro os três ingredientes e os bolos com iogurte são sempre maravilhosos!:)
    Ainda bem que já voltou tudo ao normal!
    Beijinho grande para ti, querida:)

    ResponderEliminar
  60. Olá Ginja! Que aspecto tão perfeito que tem esse bolo! E que sabores! Adoro coco e laranja... Faz-me lembrar um bolo que a minha mãe fazia muitas vezes quando eu era miúda :) Era engraçado porque depois de cozido no forno, era ensopado em sumo de laranja e coco, e só depois servido. Claro que eu tentava ajudar, mas só estorvava :p

    Espero que agora a situação por aí esteja melhor. E que já possas fazer bolinhos ao domingo para a família ;)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  61. Querida Ginginha, esse bolinho está qualquer coisa de fenomenal, fotografias bem bonitas. Os meus parabéns. Bisous,

    ResponderEliminar
  62. Querida Ginja
    Que bom que as coisas por aí voltaram ao normal.
    E' muito difícil viver sem luz e água, imagino o teu sufoco.
    As coisa boas foram mesmo as noites à beira do fogão a lenha e à luz de velas!
    Adorei o teu bolo, ficou com um aspecto incrível.
    Parabéns pelas fotos maravilhosas.
    Bjim com muito karim
    Léia

    ResponderEliminar
  63. Olá Ginja, tenho que deixar aqui registado o quanto adoro as fotografias que publica... Os cenários/quadros que envolvem as receitas são tão coloridos e cada detalhe tão ajustado :)
    Vera

    ResponderEliminar